Associação Cearense do Ministério Público (ACMP) elege a chapa “União e Independência” como nova Diretoria e novo Conselho Superior

Author

Categories

Share

Associação Cearense do Ministério Público (ACMP) elege a chapa “União e Independência” como nova Diretoria e novo Conselho Superior

A Associação Cearense do Ministério Público (ACMP) teve sua nova Diretoria e seu novo Conselho Superior eleitos neste dia 10 de fevereiro, para o biênio 2023/2025. Apenas a chapa “União e Independência”, tendo à frente o atual Presidente, Herbet Gonçalves Santos, estava inscrita para o pleito, que computou um total de 410 votos, sendo 287 (70%) para a chapa eleita, 13 em branco e 110 nulos. Votaram os associados com seus direitos estatutários em dia.

“A nossa bandeira maior é a união de toda a classe, em prol da valorização do Ministério Público, sempre buscando construir um MP mais forte e independente, para que a sociedade seja atendida com um trabalho de excelência, para todos os cidadãos”, declarou.

A classe dos aposentados seguirá sendo valorizada pela próxima diretoria da ACMP. “A atual diretoria e a próxima gestão têm o objetivo de valorizar os colegas aposentados, que tanto fizeram pela instituição e que edificaram a história do Ministério Público nas últimas décadas”, afirmou Herbet Gonçalves Santos, que segue para o segundo mandato à frente da instituição.

“O processo eleitoral transcorreu de forma tranquila durante todo o dia. A junta eleitoral conduziu os trabalhos com maestria. A classe, democraticamente e nos termos do estatuto, manifestou sua vontade. Venceu a classe ministerial”, comentou Iuri Rocha Leitão, presidente em exercício da ACMP.

A nova Diretoria da Associação Cearense do Ministério Público (chapa “União e Independência”) é composta por: Herbet Gonçalves Santos – Presidente; Francisco Diassis Alves Leitão – 1º Vice-Presidente; Ana Vládia Gadelha Mota – 2ª Vice-Presidente; André Augusto Cardoso Barros – 1º Secretário; Rafael de Paula Pessoa Morais – 2º Secretário; Edilson Izaias de Jesus Júnior – 1º Diretor Financeiro; Mayara Menezes Muniz – 2ª Diretora Financeira; António Forte de Sousa Junior – Representante dos Promotores do Interior; Mauricia Marcela Cavalcante Mamede Furlani – Diretora de Relações Públicas e Imprensa; Fátima Diana Rocha Cavalcante – Diretora de Apoio a Aposentados e Pensionistas; Deric Funck Leite – Diretor de Esporte; Solange Araújo Paiva de Carvalho, Osemilda Maria Fernandes de Oliveira e Lucas Rodrigues Almeida para o Conselho Superior; Marcos Luiz Nery Filho, Luiz Eduardo Mendes e Marcus Vinicius De Oliveira Nascimento como Suplentes do Conselho Superior.

Sobre a ACMP

A Associação Cearense do Ministério Público (ACMP) é uma associação civil, sem fins lucrativos, que representa os interesses dos Promotores e dos Procuradores de Justiça do Estado do Ceará. A ACMP foi fundada em 26 de dezembro de 1942, com sede em Fortaleza (CE), tendo sido declarada de utilidade pública pela Lei Estadual 959, de 8 de março de 1951. A entidade congrega 560 associados, sendo 376 Promotores de Justiça, 47 Procuradores de Justiça, 114 aposentados, 16 pensionistas, 2 membros do Ministério Público junto ao Tribunal de Contas do Estado do Ceará e 5 sócios colaboradores.

Author

Share