BRF INVESTE EM PESQUISA E TECNOLOGIA PARA AMPLIAR SEU PORTFÓLIO PLANT-BASED

Author

Categories

Share

 

Sadia Veg&Tal e Qualy Vegê assumem pioneirismo em produtos de mercado que são tendência mundial

 

São Paulo, 31 de julho de 2022 – O consumo de alimentos plant-based ganha cada vez mais adeptos no mundo e, no Brasil, não poderia ser diferente. Dados do Euromonitor apontam que, em cinco anos, o consumo da categoria no país evoluiu 70% e saltou de US$48,8 milhões, em 2015, para US$82,8 milhões em 2020*. Diante desse cenário, a BRF, uma das maiores companhias de alimentos do mundo, atenta às necessidades de seus consumidores, vem investindo em tecnologia e pesquisa para o desenvolvimento de produtos à base de plantas. Recentemente, a empresa lançou Qualy Vegê, a primeira margarina 100% vegetal do país, além de já ter criado anteriormente a linha Sadia Veg&Tal, que chega a 12 itens de similares de carne (meat like) e sem carne (no meat), tais como os VEG Frangos, VEG Kibe, VEG Carne Moída, VEG Hambúrgueres congelados e os lanches prontos VEG Burguers. A linha ainda contempla vegetais congelados para uso culinário, como ervilha, mix de vegetais, couve-flor e brócolis e três opções de tortas salgadas: abobrinha com cream cheese, espinafre com ricota e brócolis com requeijão.
Além dos dados de consumo, a Euromonitor também faz projeções que indicam que esse segmento deverá atingir US$131,8 milhões até 2025. “Sempre nos orgulhamos de oferecer produtos para os mais diferentes perfis de pessoas. Em um mercado cada vez mais diverso precisamos estar atentos e acompanhar de perto as tendências. Nesse sentido, sabemos do aumento do consumo de alimentos plant-based e, por isso, temos investido constantemente em pesquisas e desenvolvimento de mais opções para o nosso público. Assumimos, por exemplo, o pioneirismo ao lançar a primeira margarina 100% vegetal do país, a Qualy Vegê, além de desenvolver a linha Sadia Veg&Tal, ideal para quem busca alternativas para a proteína animal”, explica Carolina Furlan, gerente executiva de Inovação.
Por trás das Inovações

Lançada em junho, inicialmente no Estado de São Paulo, Qualy Vegê tem como principal diferencial ser feita apenas com ingredientes naturais, conter uma lista reduzida de ingredientes, não conter lactose, derivados de leite e nem gordura hidrogenada ou interesterificada. Fonte de Ômega 3, conta com o sabor e a qualidade únicos de Qualy.
Desenvolvida com base em diferentes estudos, o projeto que originou Qualy Vegê contou com uma primeira parte focada em reduzir e substituir os ingredientes presentes em outras versões da marca. Com o auxílio de consultorias especializadas, a equipe conseguiu, ao longo de cinco anos, reduzir os ingredientes e usar apenas opções naturais. Ainda durante o período, foram realizados testes e pesquisas com grupos de consumidores até o início da produção.
Seguindo o pilar de sustentabilidade da BRF e, assim como as demais margarinas Qualy, a Vegê conta com o selo eureciclo, endossando o compromisso da marca de que para cada pote vendido, o equivalente a seu plástico utilizado é reciclado. Qualy também é a primeira e única marca de margarina a compensar 100% das embalagens no Brasil, além de todas elas serem recicláveis e reutilizáveis.
Já a linha Sadia Veg&Tal chegou ao mercado em 2020 e apresenta diferentes opções para as mais diversas ocasiões de consumo como os Veg Kibes, Veg Burguer, os Nuggets Vegetais e as Tortas Vegetarianas. A marca também desenvolveu a nova linha de Lanches Prontos, disponível nos sabores Veg Cheddar Burger e Veg Mayo Burger. Em novembro do ano passado, a linha aumentou com a chegada do primeiro frango plant-based carbono neutro do Brasil, o Veg Frango 100% Vegetal. Ao todo, estão disponíveis em três versões: Cubo, Tiras e Desfiado. As emissões são neutralizadas do grão à mesa por meio de conservação florestal. Também foi desenvolvido pela BRF e certificado pela SGS o “Selo Carbono Neutro”, que poderá ser usado em outros itens futuros.

 

Além do pioneirismo no mercado, outro ponto de destaque são as tecnologias utilizadas ao longo do processo de desenvolvimento e produção dos produtos. No caso dos Veg Frangos, além da adição de feijão carioca, ingrediente muito presente nos lares brasileiros, é a utilização de uma técnica inovadora que consiste na adição de calor e pressão sobre uma combinação de proteínas vegetais de feijão, ervilha e soja, conhecida como extrusão úmida. Essa tecnologia produz fibras proteicas longas conferindo a percepção e aparência da proteína animal. Além da semelhança, os itens também têm a mesma quantidade de proteína de um peito de frango.

 

*Dados da Euromonitor, organização europeia que produziu o estudo com valores referenciais em dólar.

 

Sobre a BRF

Uma das maiores empresas de alimentos do mundo, a BRF está presente em 117 países. Seu propósito é oferecer alimentos de qualidade cada vez mais saborosos e práticos, para pessoas e seus pets em todo o mundo, por meio da gestão sustentável de uma cadeia viva, longa e complexa, que proporciona vida melhor a todos, do campo à mesa. Dona de marcas icônicas como Sadia, Perdigão e Qualy, a Companhia pauta suas ações nos compromissos fundamentais de segurança, qualidade e integridade. A empresa baseia sua estratégia em uma visão de longo prazo e visa gerar valor para seus mais de 100 mil colaboradores no mundo, mais de 350 mil clientes e aproximadamente 10 mil integrados no Brasil, todos os seus acionistas e para a sociedade.

Author

Share