Mães de bebês prematuros do HRN são homenageadas com cartões

Author

Categories

Share

 

            Mães de bebês prematuros do HRN são homenageadas com cartões

FOTOS: DIVULGAÇÃO

“Ser mãe me mostrou que sou mais forte do que pensava, mais dedicada do que imaginava e mais feliz do que sonhei ser.” A frase é parte de um cartão em homenagem às mães de bebês prematuros internados no Hospital Regional Norte (HRN), do Governo do Ceará, administrado pelo Instituto de Saúde e Gestão Hospitalar (ISGH). A ação de humanização da Neonatologia do HRN está sendo realizada na sexta-feira, 7 de maio, até o domingo, 9 de maio. No Dia das Mães, elas receberão também flores.

O primeiro dia das mães da secretária Maria Daniele Silva Rocha, 26 anos, será acompanhando a filha Maria Júlia, nascida no dia 26 de abril prematura de 31 semanas. “É meu primeiro dia das mães e completamente diferente acompanhando minha filha no hospital. Vou contar sempre para ela essa história e esse cartão vai me ajudar”, garante emocionada.

A emoção da agricultora Ana Patrícia dos Santos Sousa, 35 anos, ao receber o cartão foi lembrar dos outros três filhos que a esperam em casa: Ana Trícia, de 18 anos, Germano, de 13 anos e Israelly, de 1 ano e 6 meses. Ela está na Neonatologia do HRN acompanhando a recuperação de Francisco Israel, que nasceu no dia 28 de abril prematuro de 27 semanas. “Fiquei muito feliz, mas também emocionada porque dá saudade dos que estão em casa”, ressalta.

As ações de humanização da Neonatologia acontecem também em outras datas comemorativas, como Natal, Páscoa, Agosto Dourado e Novembro Roxo. “É uma forma de acolhimento, de mostrar aproximação. Não cuidamos do paciente só de forma técnica, mas também com ações de humanização”, ressalta a coordenadora de enfermagem da Neonatologia do HRN, Maria Cristiane Soares de Lemos.

A Neonatologia do HRN conta com as unidades de terapia intensiva neonatal (UTIN), de cuidado intermediário convencional (UCINCo) e de cuidado intermediário neonatal canguru (UCINCa). Quando o bebê tem condições clínicas de ir para casa, é dada a alta com retorno já agendado para avaliação. O acompanhamento intensivo passa a ser feito pelo ambulatório. No ano passado, 333 bebês foram atendidos na Unidade Canguru do HRN, onde há dez leitos.

Author

Share