Pré-candidata a deputada federal, Gorete Pereira busca ampliar defesa dos direitos das mulheres

Author

Categories

Share

Pré-candidata a deputada federal, Gorete Pereira busca ampliar defesa dos direitos das mulheres
                                         Foto: Divulgação

Com mais 40 anos de vida pública, Gorete Pereira sempre lutou em prol do povo cearense. Em 2022, ela irá concorrer ao cargo de pré-candidata a deputada federal pelo Partido Liberal (PL).

“Coloco meu nome à disposição dos cearenses. Quero continuar lutando pela família, por mais emprego e renda, dando atenção especial aos mais necessitados”, destaca.

A pré-candidata afirma que também irá lutar pela valorização e ampliação dos direitos das mulheres.

“Buscarei representar as mães de família que precisam sustentar seus lares, os jovens que querem garantir o primeiro emprego. Levantamos a bandeira do respeito, da igualdade e da diversidade”, comenta.

Projetos

Enquanto parlamentar, foi responsável pelo Projeto de Lei n. 5.475/2016, que dispõe sobre a criação de Delegacias Especializadas em crimes contra a Mulher, nos municípios com mais de sessenta mil habitantes. A medida foi aprovada por unanimidade no dia 14 de dezembro do mesmo ano.

Outro PL de sua autoria (nº 5.722/2016), disciplina a responsabilidade das partes por dano processual no âmbito dos Juizados de Violência Doméstica e Familiar contra a Mulher.

A proposta altera a Lei Maria da Penha (Lei 11.340/06), que criou os juizados para julgar especificamente casos de violência doméstica e familiar contra a mulher.

Os danos processuais, previstos no Código de Processo Civil (Lei 13.105/15), ocorrem quanto uma das partes (autor ou réu) não *agem* com boa-fé no curso do processo. Isso inclui condutas como mentir, interpor recurso com intuito meramente protelatório ou usar do processo para conseguir objetivo ilegal.

Quem é Gorete Pereira

Nascida em Juazeiro do Norte, Gorete Pereira é persistente e vocacionada na luta pelo povo do Ceará. Em mais de 40 anos de vida pública, além de atuar como parlamentar, teve mais de 70 grandes projetos aprovados e foi responsável por mais de 200 requerimentos.

Para a pré-candidata, política não é fazer politicagem, mas sim construir e amar. “Os políticos que se desviam dessas características estão contaminados pela ambição do poder. Quem se deixa dominar, comete o erro de não olhar para baixo e nem para os lados. Só se preocupam com as alturas”, ressalta.

DEIXE UM COMENTÁRIO

Please enter your comment!
Please enter your name here

Author

Share