Rock in Rio 2022: Festival anuncia shows de Evandro Mesquita & The Fabulous Tab e The Lokomotiv na Rock District

Author

Categories

Share

Completando o line-up de um dos espaços mais charmosos do Rock in Rio, as bandas se apresentam nos dias 4 e 9 de setembro

Rio de Janeiro, 22 de julho de 2022: Após o enorme sucesso do anúncio de grande parte do seu line-up, a Rock District, um dos bairros mais queridos e instagramáveis da Cidade do Rock, apresenta mais duas bandas que fecham as atrações do espaço: Evandro Mesquita & The Fabulous Tab e The Lokomotiv. No dia 4 de setembro, os maiores hits dos anos 70 vão ecoar pelo festival com Evandro Mesquita & The Fabulous Tab, que resgatam as canções que inspiraram gerações de músicos em todo mundo. Já em 9 de setembro, os integrantes do The Lokomotiv vão agitar o público do Rock in Rio com um repertório que conta com o melhor do Pop e Rock dos anos 70, 80, 90 e 2000.

 

Presente no histórico Rock in Rio de 1985, Evandro Mesquita está de volta ao festival, no dia 4 de setembro, nesta que será marcada como a edição do reencontro. Desta vez, acompanhado pelos músicos Arnaldo Brandão (contrabaixo e vocal), Billy Forghieri (teclados e vocal), Miguel Bestard (violão, gaita e vocal), Fernando Fischgold (baterista) e Mafram do Maracanã (percussão), o cantor forma o grupo The Fabulous Tab, que resgata os maiores sucessos dos anos 70 em seu repertório. No setlist não faltarão versões acústicas e arranjos personalizados de grandes bandas e artistas como Pink Floyd, Bob Dylan, Rolling Stones, Bob Marley, The Who, Led Zeppelin, Hendrix, Ray Charles, JJ Cale, Otis Redding entre outros gigantes da música.

Já no dia 9 de setembro, os brasileiros do The Lokomotiv sobem ao palco para apresentar ao público os maiores sucessos do Pop e Rock dos anos 70, 80, 90 e 2000, com releituras de bandas como U2, Red Hot Chili Peppers, Bon Jovi, Guns N’ Roses, Queen, além de clássicos de Michael Jackson, Gloria Gaynor, Deep Purple, Led Zeppelin e diversos outros. Composto por Gabriel Miranda (guitarra), Cesar Sacilotto (guitarra), Rafael Borges (baixo), Paulo Mourão (bateria), o grupo também conta com a vocalista Giovanna Andreo, que convive com uma deficiência auditiva e, por conta disso, utiliza a vibração das ondas sonoras como referência.

Para 2022, o espaço também vai trazer outros grandes nomes da música nacional. O local vai receber 16 shows inéditos e contará com apresentações da Rock Street Band (todos os dias, exceto 2 de setembro), composta por André Frateschi no vocal, Mauro Berman no baixo, Lourenço Monteiro na bateria, Fernando Vidal na guitarra e Gê Fonseca nos teclados. No dia 2 de setembro sobem ao palco Oitão, Noturnall, Eminence e Sioux 66; no dia 3, acontecem os shows de Wilson Sideral — Tropical Blues e Malvada; já no dia 4, além de Evandro Mesquita & The Fabulous Tab, terá Fonk’s Gang e Lucy Alves; o segundo fim de semana começa com performances de Rodrigo Santos e Storms; no dia 9, quando The Lokomotiv se apresenta, também marcam presença no local Fernando Badauí e Deia Cassali; no dia 10 é a vez da superbanda formada por Dinho Ouro Preto, Andreas Kisser, João Barone, PJ e Liminha, além de um show de Thiago Fragoso; e fechando o palco, no dia 11, terá Di Ferrero e Rogério Flausino.

 

Sobre o Rock in Rio

O Rock in Rio foi criado para dar voz a uma geração e promover experiências únicas e inovadoras. Em 1985, o evento foi responsável por colocar o Brasil na rota de shows internacionais. Batendo recordes de público a cada edição e gerando impactos positivos nos países onde é realizado, se consagrou como o maior festival de música e entretenimento do mundo. Consciente do poder disseminador da marca, hoje o Rock in Rio pauta-se por ser um evento com o propósito de construir um mundo melhor para pessoas mais felizes, confiantes e empáticas num planeta mais saudável.

A internacionalização da marca começou por Portugal, Lisboa, em 2004, onde o evento acontece até hoje, seguido por Espanha (Madri) e pelos Estados Unidos (Las Vegas). No Rock in Rio, os números não param de crescer. Pelas Cidades do Rock já passaram mais de 10 milhões de visitantes nestas 21 edições. Em 37 anos, o festival ganhou o mundo e tornou-se um verdadeiro parque de experiências, mas muito além disso, cresceu e ampliou a sua atuação, sempre com o olhar no futuro.

Adotando e incentivando práticas que apoiam o coletivo, o Rock in Rio preza pela construção de um mundo melhor e se une a empresas que possuem este mesmo olhar e diretriz. Em 2013, foi reconhecido por seu poder realizador ao receber a certificação da norma ISO 20121 – Eventos Sustentáveis. Desde a primeira edição, já gerou 237 mil empregos diretos e indiretos e investiu, junto com seus parceiros, mais de R$ 110 milhões em diferentes projetos, passando por temas como sustentabilidade, educação, música, florestas, entre outros.

DEIXE UM COMENTÁRIO

Please enter your comment!
Please enter your name here

Author

Share